AfroPunk trás parceria com a Feira Preta, e enaltece o conceito afrofuturista “Black to the Future” – Não perca.

0

AfroPunk, a fusão do espírito africano e da música, nasceu de um encontro casual em uma esquina de um bairro no Brooklyn há quase 20 anos. Atualmente, é considerado o maior evento de cultura negra do mundo, representando as mais diversas expressões negras da diáspora africana em locais como Atlanta, Nova York, Paris, Londres e Johanesburgo.

seguro de vida para casais homoafetivos
Três pessoas com acessórios steampunk.
Unindo o melhor da música e da cultura, com visuais inovadores, valorizando o povo negro.

Toda essa potência desembarca em SP para uma edição histórica em parceria com a Feira Preta, onde junt@s celebram o Dia da Consciência Negra – e você tem 50% de desconto nos ingressos!

Basta clicar neste link exclusivo, escolher entre as opções “Pista Afropunk + Baco” (válido para os dois dias) ou “Pista Inteira” (válido para 19/11) e finalizar a compra!

AfroPunk

Crédito: AnyBritt PhotographyEdição de estreia rola em parceria com a potente Feira Preta, que completa 18 anos de vida

ONDE OUVIR JAZZ EM SÃO PAULO?A GENTE CONTA PRA VOCÊ!

O AfroPunk e a Feira Preta nasceram praticamente na mesma época, e desde então, ocupam mais e mais lugares! A Feira Preta, de criação 100% nacional, surgiu há 18 anos e é considerado o maior evento de cultura negra da América Latina.

Mulher negra com cabelo vermelho lindo decorado com flores rosas e amarelas.
O maior evento de cultura negra do mundo chega à São Paulo.

Para celebrar sua caminhada, de 2 de novembro a 8 de dezembro, a Feira realiza uma edição mega especial, ocupando lugares como Petra Belas Artes, Instituto Tomie Ohtake, IMS Paulista, Sesc 24 de Maio, Auditório Ibirapuera, Praça Dom Orione e o Memorial da América Latina, onde rola o encerramento do evento, nos dias 7 e 8 de dezembro. Clique aqui e confira todos os detalhes ❤

Abraçando o tema “Black to the Future”, o festival reúne um time potente de artistas, sente o poder: BaianaSystem, Baco Exu do Blues, Aya Bass feat. Luedji Luna, Xênia França, Larissa Luz, Karol Conká, Rincon Sapiência, Young Piva, Gabz, Batekoo, o DJ MikeQ (NY) e outros nomes.

As hostess do eventão não deixam por menos: Linn da Quebrada e Magá Moura, embaixadora brasileira no Afropunk.

~~Os preto é chave, abram os portões!~~

MUSEU AFRO BRASIL CELEBRA HISTÓRIA E ARTE AFRO-BRASILEIRA

O Dia da Consciência Negra celebra Zumbi e Dandara dos Palmares, líderes de resistência mais proeminente contra a escravidão durante a era colonial do Brasil.

  • Saca só o line-up incrível do AfroPunk SP:

Terça-feira, 19 de novembro
BaianaSystem
Aya Bass feat. Luedji Luna
Xênia França
Larissa Luz
Karol Conka
Rincon Sapiência
MikeQ
House of Black Velvet
Aisha Mbikila

Quarta-feira, 20 de novembro
Baco Exu Do Blues
CeloDut
DKVPZ
Gabz
Young Piva
Virus

Pesadão, né? Então clique aqui e garanta seu ingresso pela metade do preço!

Um pouco de história…

Desde 2005, o evento acontece no Brooklyn, em NY, mas já teve edições em Paris, Atlanta, Londres e Joanesburgo. Além do line-up incrível, o Afropunk é reconhecido por sua missão de promover a liberdade e ser um transformador social, referência para moda, arte, economia criativa e empreendedorismo negro.

O festival também enaltece o afrofuturismo, termo que representa a reinvenção de um futuro repleto de artes, ciência e tecnologia, visto sob uma perspectiva negra.

As únicas regras do AfroPunk são “sem homofobia, sem racismo, sem discriminação por idade, capacidade ou idade, sem transfobia, sem gordofobia e sem ódio”.

Sem comentários

Deixe seu comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *